O que é cadastro positivo?

O Cadastro Positivo é um banco de dados que reúne informações sobre o histórico de crédito de pessoas físicas e jurídicas.

Essas informações incluem datas de vencimento, valores pagos, quantidade de parcelas, entre outras.

O objetivo do Cadastro Positivo é fornecer às instituições financeiras um panorama mais completo sobre a vida financeira dos consumidores.

Isso permite que os bancos possam tomar decisões mais assertivas na hora de conceder crédito, como empréstimos, financiamentos e cartões de crédito.

Como funciona o Cadastro Positivo?

As informações do Cadastro Positivo são fornecidas pelas instituições financeiras que concedem crédito aos consumidores.

Essas instituições podem enviar dados sobre qualquer tipo de operação de crédito, como empréstimos, financiamentos, cartões de crédito e até mesmo contas de água, luz e telefone.

O Cadastro Positivo é administrado por uma associação sem fins lucrativos chamada Boa Vista SCPC.

A associação é responsável por manter o banco de dados atualizado e disponibilizar as informações às instituições financeiras.

Vantagens do Cadastro Positivo

O Cadastro Positivo oferece uma série de vantagens para os consumidores, como:

Melhores condições de crédito: Os consumidores com bom histórico de crédito têm mais chances de obter crédito com melhores condições, como taxas de juros mais baixas e prazos de pagamento mais longos.

Maior facilidade para conseguir crédito: O Cadastro Positivo pode facilitar a obtenção de crédito, mesmo para consumidores que não possuem um histórico de crédito consolidado.

Menor risco de inadimplência: O Cadastro Positivo pode ajudar as instituições financeiras a identificar consumidores com maior probabilidade de pagar em dia. Isso pode reduzir o risco de inadimplência para os bancos.

Como aderir a cadastro positivo

A adesão ao Cadastro Positivo é automática para todos os consumidores que possuem algum tipo de operação de crédito. No entanto, é possível optar por não participar do cadastro.

Para isso, basta entrar em contato com a instituição financeira que concedeu o crédito e solicitar a exclusão do nome do consumidor do banco de dados.